quinta-feira, 9 de dezembro de 2010

Dilemas e paradoxos

Foto por Nátalin Guvêa
No que não existe
é o que eu creio
eu sou feio
portanto me acho bonito
ou sou bonito
daí me acho feio
ou me acho bonito?
me sinto velho
então eu penso
ou eu finjo?
falo
não entendo
nem explico
fosse eu, mudo
pra preservar os dentes
de leão
que mia
esperando a leoa
voltar da caça
insensato
estúpido
decadente, mas com estilo
estripo
minha hipocrisia
chamo-a de filha
e a levo pra passear
sou o maior filósofo moderno
do meu sofá
portanto
penso, logo
percebo
que não existo.


PRO TEXTO DE HOJE, RECOMENDO DUAS TRILHAS. FANTÁSTICAS DE DOIS GRANDES NOMES DA MÚSICA BRASILEIRA, ELAS COMPLETAM ESTE TEXTO, EM DOIS DIFERENTES ASPECTOS.:




6 comentários:

dansesurlamerde disse...

muito bom.
de ler e reler e reler.

gosto dos teus socos no meu estômago.

beijo.

Thaíla disse...

Muito me seduz essa aparente falta de ralos. Aqueeeeeeeeles ralos que normalmente fazem escoar nossa não certeza do feio, do bonito, do vivo, do arquivo. Sabe do q eu falo? É que é sempre surpreendente cada vez que venho aqui, porque eu te vejo rimando como se só restasse a certeza do que você não sabe..e do que não te cabe. É tudo ironia, aposto. Caras como você, que tem cabelos de cachos ( pelo menos é o q vejo: cachos descacheados), com o pé fora da marcha ré e com a mente consumida pelo descaso, sabem bem quando fingem não saber. Fingem dúvida e fingem até morrer. Eu sei, eu sei.. devem fingir até não saber mexer em programas do pc, haha.
(já aprendeu?)
=)

Beijoos descomplicados para o "guri" dos tais cachos.

Nátalin Guvea disse...

Que bom tem tempo pra poesia e pra encantamento.
Pra cultivar seu descaso.
Que bom que você é ainda você, mesmo olhando e disparando isso pro espelho, aposto que depois se dá um beijinho e uma piscadela.

ah, tambem gosto dos seus cachos.
Só cuidado dormir com mulheres que escondem tesouras embaixo do travesseiro.
=*

Marcos Satoru Kawanami disse...

outro paradoxo é que o vestido da foto parece mostrar mais do que esconder.

Adriana Godoy disse...

Oi, Paes, filosofia da boa, né? Entre dilemas e paradoxos vamos tentando encontrar algum equilíbrio, ou não! Porreta! beijo

Anita Mendes disse...

Adoro essa tua ironia! principalmente "sou o maior filósofo moderno
do meu sofá
portanto
penso, logo
percebo
que não existo."
kkkkkkkkkkk(vc me faz no que foi feito pra chorar)
vico, tem facebook?se tiver me diz!
Ps: que escandalo essa foto da nati! beijocas